O sol se escondeu no horizonte por estar chovendo

Ele me disse que não tem medo da vida mas o notei com medo, tremendo

Esse é o som do motor acelerando como o barulho do vento

A nossa vida cortando o mar adentro

Humanos loucos, clamando por um pouco de aventura aqui fora ao relento, humanos e seus inúteis talentos

O amigo da lancha ao lado consegue dar saltos na água com a lancha em movimento

Um outro que mergulha por minutos sem respirar, sem equipamento nem nada, só pra fazer graça

E com isso querem que eu me mude, dizem que essa praia não está mais vaga

Portanto aceleramos rumo ao nada

Lá no lugar em que o temporal apavora todas as águas

E você vindo com essa sua velha trapaça, me abraçando devagar, olhando nos meus olhos e me beijando de graça

Meu bem, estamos numa velocidade muito alta

Você chega assim perto de mim mas não acredito que está do meu lado assim como tu fala

Sou desconfiado por natureza, te olho como uma onça que admira a sua presa

Te quero por inteiro

Vou estacionar no mar, ou ancorar como dizem nesse lugar

Ficar por aqui, conhecer mais de ti

O temporal irá nos molhar por inteiro e eu espero que ele nos mude, nos mude por inteiro

E nada interrompe esse aroma, o teu bom doce cheiro

A noite ocupa o céu, as estrelas caem e aquela chuva toda, já caiu, o resto que se foda

Te beijo e escuto o eco desse oceano atlântico no peito

Cantam sons belos, sereios sem preconceito

Eu que nunca me entrego resolvi me entregar

Te mergulhar num lento beijo e te beijar num rápido deslocar, mergulhando, ouvindo sereios cantando

Nade, meu bem

Não solte a minha mão para nada

Subimos para a superfície em silêncio, te peguei sereno olhando pro fundo dos meus olhos, atento

Quer me admirar, me conhecer um pouco mais

Esse cara ultrapassou meu velho limite e me mostrou o quanto aquilo me limitava

E das tristezas do meu mundo velho, eu a partir disso não lembrei de mais nada

O oceano me molhava e pra mim isso era estar vivo

Em silêncio

Apenas ouvindo

Esse é o meu veneno

O meu beijo sem nenhum sentimento

Não é mais o caso, meu bem

Hoje eu te amo

E com isso vamos além, deslizando no tempo que temos, na vida que somos

É disso que eu me lembro.

Igor Florim